Estatísticas demonstram uma das armas do Grêmio neste Brasileirão

 

Torcida Geral do Grêmio

Torcida Geral do Grêmio

O futebol se torna fascinante por ser considerado, em muitos casos uma “caixinha de surpresas”. Com o tricolor gaúcho está sendo assim em 2008. O Grêmio começou o campeonato brasileiro deste ano desacreditado, com rumores que lutaria apenas para não ser rebaixado para a série B. A torcida estava receosa devido a continuação do técnico Celso Roth no comando da equipe após a desclassificação nas semifinais do Campeonato Gaúcho. Na ocasião, o Grêmio foi eliminado em pleno estádio Olímpico pela equipe do Juventude e a torcida pedia a demissão do técnico.

Logo na primeira rodada do brasileirão a equipe gremista começou a ser vista como um possível azarão, pois venceu o São Paulo por 1 à 0 no estádio Morumbi. A partir daí a torcida tricolor começou a acreditar no trabalho do técnico e a dar show em todos os jogos realizados no Olímpico. Com uma campanha sempre entre os primeiros colocados, na 14ª rodada o Grêmio venceu o Figueirense por 7X1 em Florianópolis e assumiu a liderança do campeonato. Após 14 rodadas como líder, o tricolor gaúcho foi derrotado no clássico Gre-Nal e caiu para vice-liderança.

Mesmo com o mau momento que o tricolor gaúcho enfrentou após a derrota no clássico, a torcida continuou lhe apoiando. Mas a cobrança aumentou por parte da torcida quando a equipe gaúcha empatou em 1 à 1 com o Figueirense em Porto Alegre. Em torno de 20 torcedores tentaram invadir um treino do time exigindo dos jogadores raça e a vontade de jogar do primeiro turno, o que criou um clima instável no grupo. E não bastasse os problemas que se instalaram no Olímpico, o próximo confronto seria contra o Palmeiras, rival direto na disputa do título, e o confronto seria no Palestra Itália. Para o jogo, o Grêmio tinha em campo sua zaga reserva, o que preocupou mais ainda a torcida.

Com um bom número de torcedores gremistas no Palestra Itália, o Grêmio voltou a jogar bem e venceu o Palmeiras por 1 à 0. O resultado foi o bastante para a torcida tricolor voltar a acreditar no título, pois a equipe gaúcha está apenas dois pontos atrás do líder São Paulo, faltando quatro rodadas para o final do campeonato. O sentimento de amor pelo clube retornou com muito mais força, pois agora a equipe também está incentivada após a vitória.

Não é a toa que a média de público do Grêmio é a segunda melhor entre todos os 20 times que participam da série A do brasileirão 2008. A equipe do sul só perde para o Flamengo em número de torcedores quando mandante de jogos. Até a 33ª rodada, o Flamengo já teve um total de 639.422 torcedores assistindo a partidas do rubro-negro em casa. Já o Grêmio como mandante teve um total de 520.264 torcedores em seu estádio, uma média de 30.604 torcedores por jogo.

Anúncios

~ por paulophm em 11 novembro, 2008.

Uma resposta to “Estatísticas demonstram uma das armas do Grêmio neste Brasileirão”

  1. […] grito, boto para fora. Se ganhar, melhor ainda”, afirma o estudante Fernando Andrade, fanático pelo Grêmio. A afirmação vem ao encontro da idéia principal do texto. O momento em que o apaixonado pelo […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: